A (in)eficácia do Estado Colombiano na aplicação dos princípios orientadores relativos aos deslocados internos
PDF

Palavras-chave

Princípios. Direitos Humanos. Deslocados Internos. Colômbia.

Resumo

O presente artigo pretende analisar a proteção internacional dos direitos humanos, no campo de aplicação dos Princípios Orientadores Relativos Aos Deslocados Internos (PORDI), tendo como base um estudo de caso sobre a sua efetividade em relação aos deslocados internos na Colômbia. O caso da Colômbia é emblemático e essencial ao nosso estudo, pois além de apresentar altas cifras de deslocamento interno, recebeu forte influência dos PORDI para formulação do ordenamento interno voltado à proteção dos deslocados, tornando-se assim um instrumento de investigação com os determinantes fundamentais de nossa investigação. Frente aos pontos levantados, sustenta-se que tanto a difusão dos PORDI como o ordenamento jurídico interno não foram suficientes para materialização das garantias dos deslocados, especialmente pela falta de vontade política que se fortalece a partir do momento que o Estado não encontra uma força normativa específica que o coaja a agir de maneira a proteger os deslocados, o que acaba se tornando o principal desafio dos PORDI.
https://doi.org/10.21530/ci.v10n2.2015.267
PDF

Referências

ANISTIA INTERNACIONAL. 2013. Informe 2013: o estado dos direitos humanos no mundo. 180p. Disponível em: [http://files.amnesty.org/air13/AmnestyInternational_AnnualReport2013_complete_br-pt.pdf]. Acesso em: 15 mar. 2014.

COLOMBIA. 1997. Congreso de la República de Colombia. Lei n. 387, de 18 de julho de 1997: por la cual se adoptan medidas para la prevención del desplazamiento forzado; la atención, protección, consolidación y estabilización socioeconómica de los desplazados internos por la violencia en la República de Colombia. Disponível em: [http://www.unhcr.org/refworld/docid/3dbd4c6b5.html]. Acesso em: 25 fev. 2014.

______. 2011b. Congreso de la República de Colombia. Lei n. 1448, de 10 de junho de 2011: por la cual se dictan medidas de atención, assistência e reparación integral a las víctimas del conflito armado interno y se dictan outras disposiciones (Ley de victimas y restitucion de tierras). Disponível em: [http://www.archivogeneral.gov.co/?idcategoria=4419]. Acesso em: 01 mar. 2014.

______.1995. Conselho Nacional de Política Econômica e Social – CONPES. CONPES 2804: Programa Nacional de Atención Integral a la Población Desplazada por la Violencia.

(Documento n. 2804, de 13 de setembro de 1995). Disponível em: [http://www.refworld.org/docid/46d57e112.html]. Acesso em: 25 fev. 2014.

______. 1997. Conselho Nacional de Política Econômica e Social – CONPES. CONPES 2924: Sistema Nacional de Atención Integral a la Población Desplazada por la Violencia (Documento n. 2924, de 28 de maio de 1997). Disponível em: [http://www.refworld.org/docid/46d57efa2.html]. Acesso em: 25 fev. 2014.

______. 2004. Corte Constitucional de Colombia. Sentença T-025 de 2004. Disponível em: [http://www.corteconstitucional.gov.co/relatoria/2004/t-025-04.htm]. Acesso em: 25 fev. 2014.

______. 2012. Corte Constitucional de Colombia. Sentença T-349 de 2012. Disponível em: [http://www.corteconstitucional.gov.co/relatoria/2012/t-349-12.htm]. Acesso em: 25 fev. 2014.

______. 2011. Defensoría del Pueblo de Colombia. Coordinación de Atención al Desplazamiento Forzado. Persistencia del desplazamiento forzado interno em Colômbia: dinámica del desplazamiento forzado. Colômbia: Defensoría del Pueblo, 25p. Disponível em: [http://www.defensoria.org.co/red/index.php?_item=110507&_secc=11&ts=2&hs=1105]. Acesso em: 24 jan. 2014.

______. 2001. Secretaría General de la Alcadía Mayor de Bogotá. Decreto n. 2007, de 24 de setembro de 2001. Disponível em: [http://www.brookings.edu/~/media/Projects/idp/Colombia_Decreto2007_2001.PDF]. Acesso em: 25 fev. 2014.

______. 2000. Secretaría General de la Alcadía Mayor de Bogotá. Decreto n. 2569, de 12 de dezembro de 2000. Disponível em: [http://www.alcaldiabogota.gov.co/sisjur/normas/Norma1.jsp?i=5365]. Acesso em: 25 fev. 2014.

COHEN, Roberta. 1998. The Guiding Principles on Internal Displacement: a new instrument for international organizations and NGOs. Forced Migration Review, p. 31-33, Aug. 1998.

COHEN, Roberta; DENG, Francis Manding. 2008. Orígenes y desafios. Revista Migraciones Forzadas: Alicante [Universidad de Alicante], ed. esp. [Diez años de los principios rectores del desplazamiento interno] p. 04-05.

CUNHA, Guilherme da. 2002. Migrantes e refugiados: marco jurídico e estratégia no limiar do século XXI. In: PINHEIRO, Paulo Sérgio; GUIMARÃES, Samuel Pinheiro (orgs). Direitos humanos no século XXI. Brasília, DF: IPRI/ FUNAG, 2002, p. 495-518.

DARIO, Diogo Monteiro. 2009. As Populações Internamente Deslocadas pelo conflito colombiano durante o governo Uribe: uma reflexão sobre os usos da segurança humana na era da “Guerra contra o Terror”. 157f. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais)– Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro. Disponível em: [http://www.maxwell.lambda.ele.puc-rio.br/14094/14094_1.PDF]. Acesso em: 23 jun. 2013.

EVANS, Gareth. 2008. The Responsibility to Protect: ending mass atrocity crimes once and for all. Washington: The Brookings Institution, 348p.

GLOBAL DATABASE. 2013. Guiding Principles on Internal Displacement: The guiding principles: Introduction to the guiding principles. Disponível em: [http://www.idpguidingprinciples.org/]. Acesso em: 24 maio 2013.

GRACE, Jeremy; FISCHER, Jeff. 2008. Garantizar la igualdad electoral a los votantes desplazados. Revista Migraciones Forzadas, Alicante [Universidad de Alicante], ed. esp. [Diez años de los principios rectores del desplazamiento interno], p. 26-27.

INTERNAL DISPLACEMENT MONITORING CENTRE – IDMC. 2013. Global Overview 2012: People internally displaced by conflict and violence. Geneva: Norwegian Refugee Council, 74p.

KÄLIN, Walter; KÜNZLI, Jörg. 2009. The law of international human rights protection. Oxford: Oxford University Press, 539p.

MARTIN, Susan Forbes. 1999. Manual de aplicação dos princípios orientadores relativos aos deslocados internos [Projecto sobre Deslocação Interna]. Nova Iorque: Gabinete das Nações Unidas para a Coordenação dos Assuntos Humanitários – OCHA,77p.

MOJICA, Beatriz Eugenia Sánchez. 2007. El Estatuto Constitucional del Desplazado Interno en Colombia. 515f. Tese (Doutorado em Direitos Fundamentais)– Universidad Carlos III de Madrid, Madrid. Disponível em: [http://e-archivo.uc3m.es/handle/10016/5216?show=full]. Acesso em: 25 fev. 2014.

NASCIMENTO, Allan. 2011. Pessoas deslocadas internamente: da atuação do estado soberano à intervenção da comunidade internacional. Sociologia, problemas e práticas, n. 66, p. 117-134.

OLIVEIRA, Eduardo Cançado. 2004. A proteção jurídica internacional dos deslocados internos. Revista do Instituto Brasileiro de Direitos Humanos, Fortaleza, v. 5, n. 5, p. 73-92.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS – ONU. 2004b. Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados – ACNUR. Balance de la política pública de prevención, protección y atención al desplazamiento interno forzado en Colombia (agosto 2002 - agosto 2004). 273p. Disponível em: [http://www.acnur.org/biblioteca/pdf/2983.pdf?view=1]. Acesso em: 10 mar. 2014.

______. 2013b. Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados – ACNUR. Who we help: internally displaced people: On the run in their own land. Disponível em: [http://www.unhcr.org/pages/49c3646c146.html]. Acesso em: 22 maio 2013.

______.1951. Assembleia Geral das Nações Unidas – AGNU: Convenção relativa ao estatuto dos refugiados (Resolução A/RES/429(V), aprovada em 28 de julho de 1951). Disponível em: [http://www.acnur.org/t3/fileadmin/scripts/doc.php?file=t3/fileadmin/Documentos/portugues/BDL/Convencao_relativa_ao_Estatuto_dos_Refugiados]. Acesso em: 23 maio 2013.

______. 2010. Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados – ACNUR: Grupo de trabalho do Grupo Setorial Global de Proteção. Manual para la protección de los desplazados internos 2010, 547p. Disponível em: [http://www.refworld.org/cgi-bin/texis/vtx/rwmain/opendocpdf.pdf?reldoc=y&docid=515419462]. Acesso em: 22 maio 2013.

______. 1998. Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados – ACNUR. Princípios Orientadores Relativos aos Deslocados Internos – PORDI. Disponível em: [http://www.ohchr.org/Documents/Issues/IDPersons/GPPortuguese.pdf]. Acesso em 22 jun. 2013.

______. 1993a. Conselho Econômico e Social das Nações Unidas – ECOSOC: Commission on Human Rights. Comprehensive study prepared by Mr. Francis M. Deng, Representative of the Secretary-General on the human rights issues related to internally displaced persons, pursuant to Commission on Human Rights resolution 1992/73. In: Further promotion and encouragement of human rights and fundamental freedoms, including the question of the programme and methods of work of the commission (Documento E/CN.4/1993/35, de 21 de janeiro de 1993). Disponível em: [http://www.unhchr.ch/Huridocda/Huridoca.nsf/TestFrame/fb36ada4f4e26ce68025672f003ef984]. Acesso em: 23 maio 2013.

PHUONG, Catherine. 2005. The international protection of internally displaced persons. Cambridge: Cambridge University Press, 318p.

REFUGEES INTERNATIONAL. 2007. Colombia: flaws in registering displaced people leads to denial of services. Refugees International: a powerful voice for lifesaving action, Washington D.C., 2p. Disponível em: [http://www.refintl.org/sites/default/files/col07_register.pdf]. Acesso em: 18 mar. 2014.

TRINDADE, Antônio Augusto Cançado. 2001. Derecho Internacional de los Derechos Humanos, Derecho Internacional de los Refugiados y Derecho Internacional Humanitario: aproximaciones y convergencias. Derechos humanos: Órgano informativo de la Comisión de Derechos Humanos del Estado de México, Cidade do México, v. 8, n. 9, p. 62-67. Disponível em: [http://www.juridicas.unam.mx/publica/librev/rev/derhum/cont/49/pr/pr0.pdf]. Acesso em: 22 jun. 2013.

VIANA, Manuela Trindade. 2009. Cooperação internacional e deslocamento interno na Colômbia: desafios à maior crise humanitária da América do Sul. Revista Internacional de Direitos Humanos – SUR, São Paulo, v. 6, n. 10, p. 138-161.

WEISS, Thomas; KORN, David. 2006. Internal displacement: conceptualisations and its consequences. Londres: Routlege; Nova Iorque: Routlege, (Global Institutions Series), 181p.

WILLIAMS, Rhodri C. 2012. El Principio Rector 29 y el derecho a la restitución. Revista Migraciones Forzadas, Alicante [Universidad de Alicante], n. 41 [Prevención del desplazimiento], p. 23-24.

Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos:

  • Autores mantêm os direitos autorais e concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a Licença Creative Commons Attribution que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.
  • Autores têm autorização para assumir contratos adicionais separadamente, para distribuição não-exclusiva da versão do trabalho publicada nesta revista (ex.: publicar em repositório institucional ou como capítulo de livro), com reconhecimento de autoria e publicação inicial nesta revista.